CPI quer saber quem bancou fornecedores que lucraram na compra de respiradores com sobrepreço

Foto: Reprodução internet de vídeo de paciente em uma unidade pública do Amazonas em que, segundo a Secom, a equipe médica, com autorização da família, usou sacos plásticos para auxiliar na respiração do paciente antes da transferência a uma UTI. O caso ocorreu em abril

A CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Saúde na ALE-AM (Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas) concentra apuração, nesta semana, para identificar quem bancou os dois fornecedores que lucraram com a compra com sobrepreço de 28 respiradores durante o pico da pandemia no Amazonas, em abril. Os membros da CPI dão seguimento na apuração com esta tese porque estão convencidos que há pessoas externas ao negócio que também se beneficiaram no caso.  ...  Ver mais

Continue lendo