Desembargadora do TJ-AM tinha “coração mole” nos plantões, ironiza conselheiro do CNJ

Foto: Desembargadora Encarnação Salgado durante sessão no TJ-AM (Divulgação)

O corregedor do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), Humberto Martins, declarou que a desembargadora do TJ-AM (Tribunal de Justiça do Amazonas), Encarnação das Graças Salgado Sampai tinha “coração mole” para conceder liminar (decisões temporárias) em favor dos réus nos plantões do judiciário do Amazonas.  ...  Ver mais

Continue lendo