“A maior dor foi em janeiro de 2021: as mortes por falta de oxigênio”

Gláucia Macedo* No final de 2019 e início de 2020 eu ouvia falar do coronavírus em Wuhan na China, mas me parecia uma realidade tão distante que mantive a viagem em família programada para o período do Carnaval, porém, eu sentia uma angústia no peito como prevendo algo ruim que estava por vir. Quando a … Continue lendo “A maior dor foi em janeiro de 2021: as mortes por falta de oxigênio”