“É um despreparado nas questões fundiária e política”, diz João Pedro sobre Walter Cruz

O ex-senador e ex-superintendente do Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária) no Amazonas, João Pedro (PT), declarou que o coronel da PM-AM (Polícia Militar do Amazonas), Walter Cruz, é um despreparado nas questões agrária e política.

“Ele realmente é um despreparado na questão fundiária e política. Fui servidor do Incra desde a década de 70. Sou técnico agrícola e sempre fui servidor do Incra. Sempre trabalhei nesta área. Depois fiz faculdade de Agronomia”, afirmou João Pedro ao blog em reação às declarações de Walter Cruz.

O coronel foi desnomeado do Incra antes de tomar posse do cargo de superintendente. Cruz atribuiu seu voo baixo ao órgão federal à perseguição política promovida pelos senadores Omar Aziz (PSD) e Eduardo Braga (MDB) e saiu disparando metralhadora contra vários políticos.

Quando questionado pelo blog se reunia qualificação para atuar no Incra, respondeu que sim alegando que se João Pedro foi superintendente, ele também poderia ser.

“Estava estudando sobre a questão da política fundiária. Essa questão… o senador João Pedro não foi nomeado para o Incra? Outros não estão em vários órgãos e não tem essa especificidade? Tem que saber montar equipe, trabalhar com tecnologia e integração”, declarou Cruz.

João Pedro disse que se tornou senador em função de sua atuação no setor agrário e não o contrário.

“Não entrei por cima no Incra, teve uma carta com assinatura de 95% dos servidores pedindo meu retorno ao Incra. Fiquei entre 2003 e 2006. Só virei senador em 2007. Minha vida foi como profissional. Quero esclarecer o que o coronel disse sem me conhecer. Não fui senador para entrar no Incra. Passei uma vida no Incra cuidando da questão fundiária”, declarou.

Walter Cruz disse que não desfez do currículo de João Pedro. “Não critiquei o currículo, mas disse que ele foi indicado pela política do compadrio. Foi indicado pelo Lula. Botaram ele lá. O que melhorou? Agora, quem é ele para fazer crítica a mim? Já que ele é técnico, o que avançou? Para mim, as críticas dele não valem nada”, afirmou.

Um comentário Adicione o seu
  1. Se o Cel. Walter Cruz pergunta sobre o que melhorou no Incra é prova contundente de que não tem mesmo as mínimas condições de dirigir aquela instituições fundiária.
    Note que o Coronel afinou estar “estudando” questões da política fundiária e ainda assim não sabe se houve mudanças no Incra desde 2003? Não estou nem falando de apoiar ou não as mudanças, valorar ou não…mas não saber sobre as mudanças é confissão de ignorância absoluta.
    Agora, considerando o governo Bolsonaro e os ministros e secretários nomeados, é de se estranhar que Cruz não tenha ficado, já que demonstrar “perfil” de nomeados como os ministros do Meio Ambiente, Educação e Direitos Humanos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *