Sobre escrever em tempos de retrocesso do pensamento

José Alcimar de Oliveira*

Escrever é sangrar. Sempre, desde a Bíblia. Se não sangra, é escrever? (João Antônio, 1937-1996).  

                01. O ato de escrever pode ser comparado ao paciente trabalho do artesão, do tecelão, do escultor.  Os conceitos são a matéria de quem escreve. Escrever implica artesania, tecer ideias, esculpir conceitos, domar palavras, conferir organicidade às ideias. A escrita disciplina a fala.  ...  Ver mais

Continue lendo

Paulo freire, educador do oprimido como classe

 José Alcimar de Oliveira *

O otimismo, em sua essência, não é um ponto de vista sobre a situação presente, mas uma força vital, uma força da esperança onde outros resignam, uma força para manter a cabeça erguida quando tudo parece falhar, uma força para aguentar reveses, uma força que jamais cede o futuro ao adversário, mas o reclama para si. Certamente existe também um otimismo covarde, tolo, que deve ser rejeitado. Mas ninguém deve colocar sob suspeição o otimismo como vontade voltada para o futuro, mesmo que ele erre centenas de vezes (Dietrich Bonhoeffer, 1906-1945, pastor protestante executado a mando de Hitler no dia 09 de abril de 1945). ...  Ver mais

Continue lendo

Brasil da regressão política rumo a um estado-pária: notas filosóficas

José Alcimar de Oliveira *

Assim, a filosofia se vê rodeada de inimigos, a maioria dos quais não tem consciência dessa condição. A autocomplacência burguesa, os convencionalismos, o hábito de considerar o bem-estar material como razão suficiente de vida, o hábito de só apreciar a ciência em função de sua utilidade técnica, o ilimitado desejo de poder, a bonomia dos políticos, o fanatismo das ideologias, a aspiração a um nome literário – tudo isso proclama a antifilosofia. E os homens não o percebem porque não se dão conta do que estão fazendo. E permanecem inconscientes de que a antifilosofia é uma filosofia, embora pervertida, que, se aprofundada, engendraria sua própria aniquilação (Karl Jaspers, 1883-1969).    ...  Ver mais

Continue lendo

Dia da filósofa e do filósofo: vigilância do pensamento diante do fascismo cognitivo

Imagem: Estátua do filósofo grego Sócrates (Wikimedia Commons/Wikipedia)

Por José Alcimar de Oliveira*

É preciso destruir o preconceito, muito difundido, de que a filosofia é algo muito difícil pelo fato de ser a atividade intelectual própria de uma determinada categoria de cientistas especializados ou de filósofos profissionais e sistemáticos. É preciso, portanto, demonstrar preliminarmente que todos os homens são filósofos (Antonio Gramsci) ...  Ver mais

Continue lendo

Lázaro: o Brasil entre a metafísica do mal e o real dialético

Continue lendo

O conhecimento pode gerar angústia, mas a ignorância mata e o deserto avança

Imagem: Pachamama (https://cimi.org.br)

Por José Alcimar de Oliveira *

O meu povo perece por falta de conhecimento (Os 4,6).  Quomodo potest Satanas Satanam eicere? Et si regnum in se dividatur, non potest stare regnum illud (Mc 3,23-24).

          01. Tales de Mileto, que viveu há mais de dois e meio milênios, e o primeiro teólogo do mundo ocidental, registra num de seus sábios fragmentos que tudo está tomado pelos deuses. Para ele o universo é um sistema de forças anímicas. Comparava a terra a um navio a flutuar sobre um mundo de águas. Tales é um Espinosa da Hélade. Para ele a água é divina. É o princípio de tudo. Tales, Heráclito (com seu fogo dialético, não o que hoje queima a Amazônia) e Espinosa são cidadãos da Amazônia. ...  Ver mais

Continue lendo

A força da retrotopia: quando a ordem se faz ordem do dia

Imagem: https://www.sindsep-pe.com.br/artigos-detalhe

Por José Alcimar de Oliveira *

Vossa terra está assolada, vossas cidades, incendiadas. Os inimigos, à vossa vista, devastam vosso país. É uma desolação, como a ruína de Sodoma (Is 1,7).

               01. No Brasil da ordem acima da lei até a filosofia positiva de Auguste Comte é vítima de uma degeneração epistêmica. É sabido o quanto o conceito de ordem é caro ao celebre autor da “lei dos três estados”. Mas é impossível encontrar no pai do positivismo o menor resquício de negacionismo e ódio à ciência.   ...  Ver mais

Continue lendo