Secretária foi presa por dificultar investigação e ‘aderir a propósitos de grupo criminoso’

A secretária de estado de Saúde do Amazonas (Susam), Simone Papaiz, que está no cargo há menos de três meses, foi presa temporariamente na Operação Sangria por dificultar investigação dos órgãos de controle sobre suspeitas de sobrepreço dos 28 respiradores e por “aderir aos propósitos do grupo criminoso”. As informações constam na decisão do ministro … Continue lendo Secretária foi presa por dificultar investigação e ‘aderir a propósitos de grupo criminoso’